Fortaleza, Terça-feira, 28 Junho 2022

Pesquisar

Comunicação

Comunicação AL TV Assembleia FM Assembleia
Banco de Imagens Previsão do Tempo Contatos

Programa Alcance

Alece 2030

Processo Virtual

Processo Virtual - VDOC

Legislativo

Projetos / Cursos

Publicações

Login

Compromisso dos assistentes sociais é destaque em solenidade - QR Code Friendly
Sexta, 13 Mai 2022 18:32

Compromisso dos assistentes sociais é destaque em solenidade

Avalie este item
(1 Voto)
Compromisso dos assistentes sociais é destaque em solenidade Foto: Máximo Moura
A Assembleia Legislativa do Ceará homenageou, durante sessão solene nesta sexta-feira (13/05), 55 assistentes sociais de diferentes áreas de atuação pelas contribuições e compromisso com a população cearense. O evento fez referência ao Dia do Assistente Social, celebrado em 15 de maio, e atendeu requerimento dos deputados Evandro Leitão (PDT), Carlos Felipe (PCdoB), Audic Mota (MDB) e Bruno Pedrosa (PDT).

O deputado Audic Mota, segundo-secretário da Alece, presidiu a solenidade e ressaltou a importância da assistência social em um país com tantos desafios, assim como a necessidade de reconhecimento dos profissionais. “Que nós, da Assembleia Legislativa do Ceará, possamos estar alinhados e atentos a tudo com o que a legislação possa contribuir para o avanço da profissão dos assistentes sociais”, afirmou.

O deputado Bruno Pedrosa comentou que a assistência social é uma “grande força motriz para a garantia de direitos”, o que ficou ainda mais evidente, apontou, durante a crise e as repercussões sanitárias, econômicas e sociais a que ficou exposta a população na pandemia.

O parlamentar disse ser de suma importância a manutenção dos programas sociais e da atuação dos assistentes sociais, ressaltando ainda a criação da Comissão de Direito de Assistência Social da OAB-CE para defender os direitos dos que mais precisam e também dos assistentes sociais.

O deputado Carlos Felipe avaliou que os profissionais da assistência social atuam a partir do compromisso com a transformação e emancipação das pessoas, promovendo o exercício da cidadania e intervindo por uma sociedade mais justa e humana.

O deputado comentou ainda a relevância do Sistema Único de Assistência Social (SUAS), instituído em 2005 em uma ambiência fértil para a transformação do País e cuja construção sólida trata os diferentes de acordo com suas diferenças. Carlos Felipe defendeu o enfrentamento dos desafios impostos pelo cenário atual, elencando a redução do orçamento do SUAS.

COMPROMISSO E DESAFIOS

Em nome dos homenageados, Maria Luciene Rolim compartilhou o orgulho da profissão e agradeceu a realização da solene. Ela comentou sobre os desafios enfrentados cotidianamente, os salários que não estão à altura do trabalho. Segundo ela, é necessário reconhecer os assistentes sociais como trabalhadores que, todos os dias, olham para as desigualdades e fazem as mediações e transformações necessárias.

“A gente tem uma satisfação muito grande do nosso compromisso com os usuários do sistema diante de um desmonte de direitos e de políticas que vemos no estado brasileiro”, complementou a homenageada.

Margarida Ravenna Guimarães, presidente do Sindicato dos Assistentes Sociais do Estado do Ceará (Sasec), comentou a realização do Seminário “Da luta não me retiro! - Serviço social e lutas sociais no enfrentamento ao neoconservadorismo e neofascismo no Brasil contemporâneo”, que debateu assuntos relevantes para a área e para o País no Auditório Murilo Aguiar, da Alece. Ela reiterou o papel de defesa dos direitos humanos dos profissionais da assistência social.

A presidente do sindicato elencou as dificuldades impostas nos últimos anos para a população, como a retirada de direitos, precarização de trabalho e vidas perdidas pela pandemia. Margarida Ravenna citou ainda as lutas da categoria, como piso salarial nacional, mais concursos públicos, cumprimento da lei das 30 horas, mais políticas públicas de qualidade e condições dignas de trabalho.

Iêda Castro, presidente do Colegiado Estadual de Gestores Municipais da Assistência Social (Coegemas/CE), afirmou que o propósito da assistência social é intervir na realidade para transformar o cenário de desigualdade e injustiça vivenciado. “A nossa intervenção é contra toda forma de discriminação, então nós temos lado, o lado da vida”, disse. Iêda afirmou ainda que a métrica do trabalho dos e das assistentes sociais é “a da dignidade, emancipação, autonomia e, principalmente, do acesso ao direito”.

Participaram também da solenidade Zelma Madeira, assessora especial de Acolhimento aos Movimentos Sociais do Governo do Estado do Ceará; o desembargador Durval Aires Filho; Raphael Castelo Branco, representando a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB); George Ponte, presidente da Comissão de Direito de Assistência Social da OAB-CE, e Márcio Damasceno Farias, assistente social homenageado.

SA/CG

Informações adicionais

  • Fonte: Agência de Notícias da Assembleia Legislativa
  • E-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.
  • Twitter: @Assembleia_CE
Lido 245 vezes Última modificação em Segunda, 16 Mai 2022 13:19

Protocolo Digital

PROCON ALECE

Portal do Servidor

Eventos


 

  30ª Legislatura - Assembleia Legislativa do Ceará                                                                         Siga-nos:

  Av. Desembargador Moreira, 2807 - Bairro: Dionísio Torres - CEP: 60.170-900 

  Fone: (85) 3277.2500