Fortaleza, Sábado, 26 Setembro 2020

Pesquisar

Alcance ENEM

Combate COVID-19

Processo Virtual

Processo Virtual - VDOC

Legislação

Projetos / Cursos

Publicações

Eventos e Destaques

Disque Assembleia

Login

Internautas apostam no apoio a pequenos empreendedores para recuperação econômica - QR Code Friendly
         Comunicação AL TV Assembleia FM Assembleia Banco de Imagens Previsão do Tempo Contatos
Segunda, 27 Julho 2020 12:06

Internautas apostam no apoio a pequenos empreendedores para recuperação econômica

Avalie este item
(0 votos)
A enquete do Portal da Assembleia Legislativa questionou aos internautas, no período de 20 a 27 de julho, sobre o que é importante no processo de recuperação econômica do País.

A maioria dos internautas (67,9%) acredita no apoio ao pequeno e microempreendedor para estimular a recuperação e manutenção dos empregos, com regras claras para novas formas de trabalho, como home office e sistemas on-line.

Para outros 32,1%, o impulso depende do investimento público maciço em infraestrutura para absorver mão de obra e impulsionar a retomada das atividades do País.

Para o deputado Acrísio Sena (PT), a pandemia só agravou uma crise econômica que vinha se arrastando desde 2008 no Brasil e aumentou significativamente o fosso social entre ricos e pobres. “O novo coronavírus só explicitou a desigualdade econômica existente. A área econômica do Governo Federal reproduz o que há de pior no neoliberalismo e não possui a mínima qualificação administrativa e nem conhecimento da desigualdade brasileira”, diz.

Segundo o parlamentar, a recuperação econômica do País deve passar pela consolidação de um modelo de renda mínima, com fortalecimento de instrumentos como o Bolsa Família, além do investimento maciço em microcrédito para os pequenos negócios, como agricultura familiar e comércio e serviços, apostando ainda na inclusão digital e na qualificação e regulamentação do trabalho on-line e do home office.

Para o deputado Renato Roseno (Psol), é importante investir no amparo ao cidadão. “A desigualdade social ficou escancarada com a pandemia da Covid-19. Desigualdade não apenas de renda, mas de acesso, poder e condições de vida”, assinala.

O deputado ressalta que, primordialmente, é mais importante instituir uma renda básica de cidadania a todas as famílias em situação de pobreza. “A fome voltou junto com a pandemia e com a irresponsabilidade do Governo Federal. É necessário primeiro investir nas pessoas que estão passando fome. Junto a isso, desenvolver políticas de acesso e investimento para a recuperação da economia”, salientou.

Para o economista Ricardo Coimbra, o processo de recuperação econômica deve ser trabalhado e buscado nas duas vertentes. Tanto o investimento em infraestrutura para retomar empregos e impulsionar a retomada das atividades como o apoio a pequenas e microempresas são essenciais.

“Os estados e Governo devem ainda buscar políticas de amparo aos desempregados, tanto na geração de trabalho como também no amparo ao cidadão. Já no tocante às empresas, é preciso buscar facilidades para que esses setores retornem, como o acesso e a liberação de créditos”, assinala.

Ricardo Coimbra acrescenta que políticas de desenvolvimento econômico casadas com amparo social e econômico devem auxiliar melhor o processo de retomada das atividades econômicas no País.
GM/AT

Informações adicionais

  • Fonte: Agência de Notícias da Assembleia Legislativa
  • E-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.
  • Twitter: @Assembleia_CE
Lido 333 vezes Última modificação em Quinta, 30 Julho 2020 11:03

Protocolo Digital

PROCON ALECE

Portal do Servidor

Eventos

Enquete

As mudanças de hábito promovidas pela pandemia da Covid-19 serão incorporadas pela sociedade?


 

  30ª Legislatura - Assembleia Legislativa do Ceará                                                                         Siga-nos:

  Av. Desembargador Moreira, 2807 - Bairro: Dionísio Torres - CEP: 60.170-900 

  Fone: (85) 3277.2500