Fortaleza, Quarta-feira, 28 Outubro 2020

Pesquisar

Alcance ENEM

Combate COVID-19

Processo Virtual

Processo Virtual - VDOC

Legislação

Projetos / Cursos

Publicações

Eventos e Destaques

Disque Assembleia

Login

Oposição critica furto de peças, e líder contesta - QR Code Friendly
         Comunicação AL TV Assembleia FM Assembleia Banco de Imagens Previsão do Tempo Contatos
Quarta, 29 Março 2017 04:16

Oposição critica furto de peças, e líder contesta

Avalie este item
(0 votos)
Evandro Leitão, líder do Governo na Assembleia, confirma o furto, mas diz que peças foram recuperadas e o equipamento está bom Evandro Leitão, líder do Governo na Assembleia, confirma o furto, mas diz que peças foram recuperadas e o equipamento está bom ( Foto: Fabiane de Paula )
A aquisição de duas tuneladoras pelo Governo do Estado no ano de 2013 constantemente vira alvo de críticas de parlamentares na Assembleia Legislativa. Ontem, o assunto voltou à pauta quando o deputado Heitor Férrer (PSB) afirmou na tribuna que parte dos equipamentos foi furtada. Para embasar a denúncia, Heitor apontou o Boletim de Ocorrências, no qual em 7 de fevereiro de 2016 o diretor de obras subterrâneas do Metrofor, Maurílio Dias, relata o furto de peças, cabos elétricos e até motores. "Roubaram o coração dos tatuzões. Se levam o motor do meu carro ele vira carcaça", comparou. O líder do Governo, deputado Evandro Leitão (PDT), garante que os equipamentos estão em condição de uso.   Heitor ressaltou que as tuneladoras foram compradas com dinheiro dos cearenses por US$ 66,706 milhões, o que convertendo daria cerca de R$ 220 milhões. "Essas máquinas estavam paradas, encaixotadas e estão sendo roubadas, mesmo estando sob a tutela do Estado. É inaceitável que passemos por um constrangimento desses", avaliou, dizendo que chamaria atenção a aquisição feita pelo ex-governador Cid Gomes.   Comprometidas   "Em uma das maiores insanidades administrativas ele resolveu transformar o Estado em uma empreiteira. Arrancaram o coração do tatuzão. Tornaram sem serventia o equipamento de R$ 220 milhões que até agora não serviu para nada e nem servirá".   Heitor apontou que depois de dois anos sem manutenção as máquinas "estão condenadas a não mais servir. Só um país muito rico se aventuraria a esta compra e se tivesse sobra de dinheiro, o que não é o caso de um Estado onde se reduziu o número de leitos", criticou.   "Quando a obra foi cantada pelo ex-governador eu subi esta tribuna para elogiar, tolamente enganado, achando que teríamos em pouco tempo a obra e seriamos agraciados com o equipamento. Ledo engano. As tuneladoras foram adquiridas para escavar os túneis. Seriam as grandes primeiras passadas para com o tempo ampliar (o projeto) de acordo com recursos do Estado. Cid anunciou a obra, e como outras, virou pó".   O parlamentar afirmou ainda que, no contrato de compra, a empresa estabeleceu que deveriam ser realizadas, até que as tuneladoras fossem utilizadas, revisões periódicas ao custo mensal de US$ 1 milhão. "O Estado caloteiro não pagou a revisão e desde março de 2015 os equipamentos caríssimos, de alta tecnologia, estão sem revisão. Isso é igual a danificação, a inviabilização para qualquer trabalho funcional", ressaltou.   Sobre o furto de peças, disse que vai solicitar providências ao Ministério Público Federal, para que sejam apuradas as devidas responsabilidades.   O discurso foi acompanhado pelo líder do governo na Assembleia, deputado Evandro Leitão (PDT). O pedetista negou que os equipamentos estejam inutilizados e afirmou que as tuneladoras adquiridas pelo Governo do Ceará para escavar os túneis da linha leste do Metrofor estão com a manutenção em dia e em bom estado de conservação.   Explicou   "Só teremos absoluta convicção se estão aptas quando colocarmos para funcionar. Aí veremos se a manutenção dada tornará, ou não, os equipamentos eficazes", ponderou, justificando que as tuneladoras servirão para acelerar as escavações, reduzindo o número de canteiros de obras ao longo do trajeto.   A respeito do furto de peças, Evandro Leitão explicou que o furto registrado em 2016 foi a única ocorrência dessa natureza durante os 42 meses em que os equipamentos estão de posse do Governo do Estado. "Tão logo a equipe do Metrofor teve conhecimento dessa ação, tomou todas as providências cabíveis. Foi registrado boletim de ocorrência, os envolvidos foram identificados e presos", apontou. "Parte das peças foram recuperadas e aquelas que não foi possível recuperar, foram readquiridas e já estão no local".   O deputado Capitão Wagner (PR), em aparte a Heitor, chamou atenção que quando peças de um equipamento tão valoroso, pertencente ao Estado, são roubadas mostra o quanto a segurança pública é deficitária. "A peça foi reposta, mas não há perspectiva de utilização dos tatuzões", lamentou.   A defesa também foi feita pelo deputado Julinho (PDT). Ele disse que o maquinário é de fato muito caro, porém necessário quando se trata em acelerar a velocidade da obra. "Os técnicos garantem que as tuneladoras estão aptas a começarem a operação da linha leste. E o povo tenha certeza que logo mais essa obra importante para mobilidade urbana estará em plena execução", declarou, acrescentando informações do governador Camilo Santana sobre a retomada dos trabalhos para garantir a expansão do serviço de mobilidade urbana do Estado.
Lido 1830 vezes

Protocolo Digital

PROCON ALECE

Portal do Servidor

Eventos

Enquete

Está em vigor no Ceará a Lei 17.234/2020, que torna obrigatório o uso de máscara para evitar a disseminação da Covid-19. Que tipo de máscara você usa para se proteger?


 

  30ª Legislatura - Assembleia Legislativa do Ceará                                                                         Siga-nos:

  Av. Desembargador Moreira, 2807 - Bairro: Dionísio Torres - CEP: 60.170-900 

  Fone: (85) 3277.2500