Fortaleza, Terça-feira, 17 Setembro 2019

Pesquisar

Processo Virtual

Processo Virtual - VDOC

Legislação

Projetos / Cursos

Publicações

Eventos e Destaques

Disque Assembleia

Login

         Comunicação AL TV Assembleia FM Assembleia Banco de Imagens Previsão do Tempo Contatos
Sexta, 12 Julho 2019 12:15

Heitor Férrer critica baixa durabilidade de estradas no Ceará

Avalie este item
(0 votos)
Deputado Heitor Férrer Deputado Heitor Férrer Foto: Edson Júnior Pio
O deputado Heitor Férrer (SD) criticou nesta sexta-feira (12/07), durante o primeiro expediente da sessão plenária da Assembleia Legislativa, a baixa durabilidade das rodovias brasileiras, citando em especial as do Ceará.

Segundo ele, as estradas duram em média no Estado dois anos. “Não temos estradas, o Ceará não tem mais estradas. Foram todas destruídas porque não prestam, foram mal construídas”, avaliou. “Uma estrada que em todo canto do mundo duram 40 anos, aqui dura dois. A nossa engenharia é diferente”, acrescentou.

O parlamentar atribuiu às autoridades governamentais e às empreiteiras a responsabilidade pela situação, e apontou que muitas delas chegam a se beneficiar com algumas obras. “Os governantes se alimentam da corrupção na confecção de estradas no Brasil e no Estado. Nós sabemos da cumplicidade do público com o privado para o enriquecimento dos empreiteiros. Empreiteiro que não é político mete a mão na cumbuca do que é público, por meio de contratos superfaturados e devolução de dinheiro para administradores”, afirmou.

Heitor disse que, com exceção das vias feitas pelo ex-governador Tasso Jereissati, todas as estradas construídas a partir da gestão de Cid Gomes apresentam problemas. “A CE-040 que vai até Aquiraz está do mesmo jeito. Já a complementada por Cid Gomes, de Aquiraz para frente, está toda remendada, a cor é uma borra preta. A que o Tasso fez é respeitável”, citou.

O deputado contestou a justificativa de que a destruição das estradas é conseqüência das chuvas. “Chuva não destrói estradas, o que destrói é estrada malfeita, feita para durar quatro anos no máximo, e o povo pagando a cada quatro anos”, frisou.

Ele criticou ainda a utilização de R$ 219 milhões pelo Governo do Estado, para a recuperação de estradas. Este valor, segundo ele, poderia ser utilizado em áreas prioritárias. 

Em aparte, o deputado Evandro Leitão (PDT) disse que mesmo sendo da base aliada do Governo do Estado, reconhece e situação das estradas e endossou a preocupação. “É de qualquer pessoa ficar indignada. Tenho certeza que o governador Camilo Santana está tomando as medidas cabíveis, porque não se pode ter uma estrada intransitável, causando a insegurança de quem transita”, destacou. Para ele, a população merece respeito das empreiteiras que realizam o trabalho de recuperação e o Estado precisa fazer um “mea culpa”, defendendo uma fiscalização mais rígida.

O deputado Romeu Aldigueri (PDT) apontou a presença de buracos no trecho que liga Granja a Sobral, via que, segundo ele, foi feita há apenas três anos. “O problema é de fiscalização, para que assim o Estado não precise utilizar o recurso nisso (estradas)”, disse.

Já o deputado Nizo Costa (PSB) afirmou que é os recursos são necessários uma vez que é crítica a situação das estradas e tem sido uma reclamação dos topiqueiros. “Por isso o governador liberou esse recursos. Esses recursos são essenciais para que essas estradas sejam recuperadas”, ressaltou. Entretanto, destacou que muitas são as estradas que estão em boas condições, citando a que liga Morada Nova a Iguatu. “Não há um buraco que possa prejudicar os veículos”, acentuou.
LS/CG

Informações adicionais

  • Fonte: Agência de Notícias da Assembleia Legislativa
  • E-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.
  • Twitter: @Assembleia_CE
Lido 132 vezes

Portal do Servidor

Setembro Amarelo

Enquete

A proibição de canudos de plástico pode ajudar na preservação ambiental?

Heitor Férrer critica baixa durabilidade de estradas no Ceará - QR Code Friendly


 

  30ª Legislatura - Assembleia Legislativa do Ceará                                                                         Siga-nos:

  Av. Desembargador Moreira, 2807 - Bairro: Dionísio Torres - CEP: 60.170-900 

  Fone: (85) 3277.2500