Fortaleza, Domingo, 25 Julho 2021

Pesquisar

Alcance ENEM

Combate COVID-19

Processo Virtual

Processo Virtual - VDOC

Legislação

Projetos / Cursos

Publicações

Login

Roseno lamenta agressões do DJ Ivis à ex-esposa Pamella Holanda - QR Code Friendly
         Comunicação AL TV Assembleia FM Assembleia Banco de Imagens Previsão do Tempo Contatos
Quinta, 15 Julho 2021 11:50

Roseno lamenta agressões do DJ Ivis à ex-esposa Pamella Holanda

Avalie este item
(0 votos)
Deputado Renato Roseno Deputado Renato Roseno Foto: Edson Júnio Pio
O deputado Renato Roseno (Psol) repudiou, durante o primeiro expediente da sessão plenária presencial e remota da Assembleia Legislativa desta quinta-feira (15/07), as agressões físicas sofridas por Pâmella Holanda pelo ex-marido, DJ Ivis.

A ex-mulher divulgou nas redes sociais um vídeo em que o DJ a agredia, na frente da filha de nove meses. A publicação causou comoção, e o artista foi preso na quarta-feira (14/07).

O parlamentar lamentou as diversas agressões sofridas pelas mulheres e destacou que, no Brasil, a cada minuto, 25 mulheres são agredidas. “São dados alarmantes, e muitas mulheres estão no anonimato. Não têm a oportunidade e a repercussão Pâmella Holanda teve”, assinalou.

Renato Roseno ressaltou a necessidade de fortalecer políticas públicas em prol de mulheres vítimas de violência, voltadas para a quebra do machismo e patriarcado. “Nossa sociedade é patriarcal e misógina e se estrutura a partir de uma lógica que violenta as mulheres. Precisamos debater a igualdade de gênero para desconstruir o machismo”, afirmou.

O deputado lamentou também o cancelamento de três editais ligados à cultura. Segundo o parlamentar, por conta de uma resolução do Tribunal de Contas do Estado do Ceará (TCE) que, recentemente, restringiu o contrato com pessoas jurídicas com finalidade lucrativa e pessoas físicas, foram cancelados esses editais.

“Precisamos pensar uma política de cultura. Fazer um marco legal da cultura que conte com uma lei específica dando segurança jurídica a quem vive pela cultura e para cultura. Buscar o fortalecimento cultural, sem tratar esse tema igual ao empresariado. Não podemos exigir de quem faz cultura no interior do Estado a mesma coisa que as grandes empresas para fechar contrato”, disse.

Em aparte, a deputada Augusta Brito (PCdoB) parabenizou o pronunciamento do parlamentar e salientou a necessidade de fortalecer o combate à violência sofrida pelas mulheres. “Igualdade de gênero, respeito são temas que precisam ser debatidos”, assinalou.

Já a deputada Dra. Silvana (PL) destacou que a sociedade patriarcal resguarda a mulher. Frisou que a falta de educação da sociedade é a culpada pela violência sofrida pelas mulheres. “Precisamos inclusive conclamar os pastores e padres para pregarem e alertarem que a mulher não pode sofrer calada. Aquela que for violentada deve denunciar”, afirmou.
GM/AT

Informações adicionais

  • Fonte: Agência de Notícias da Assembleia Legislativa
  • E-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.
  • Twitter: @Assembleia_CE
Lido 116 vezes Última modificação em Quinta, 15 Julho 2021 16:40

Protocolo Digital

PROCON ALECE

Portal do Servidor

Eventos


 

  30ª Legislatura - Assembleia Legislativa do Ceará                                                                         Siga-nos:

  Av. Desembargador Moreira, 2807 - Bairro: Dionísio Torres - CEP: 60.170-900 

  Fone: (85) 3277.2500