Fortaleza, Terça-feira, 28 Junho 2022

Pesquisar

Comunicação

Comunicação AL TV Assembleia FM Assembleia
Banco de Imagens Previsão do Tempo Contatos

Programa Alcance

Alece 2030

Processo Virtual

Processo Virtual - VDOC

Legislativo

Projetos / Cursos

Publicações

Login

Soldado Noelio comenta morte de policias e questiona decisões da Justiça - QR Code Friendly
Quarta, 18 Mai 2022 14:39

Soldado Noelio comenta morte de policias e questiona decisões da Justiça

Avalie este item
(0 votos)
Soldado Noelio comenta morte de policias e questiona decisões da Justiça Foto: Paulo Rocha
Durante o tempo de liderança da sessão plenária desta quarta-feira (18/05), o deputado Soldado Noelio (União) comentou sobre o assassinato de dois policiais rodoviários federais ocorrido na manhã de hoje, na BR-116, em Fortaleza, e questionou o fato de o  suspeito do assassinato, com passagens pela polícia, não ter sido preso anteriormente.

O parlamentar disse que recebeu a informação de que o suspeito de ter matado os policiais já teria passagens por dez furtos, seis assaltos, duas ameaças, além de receptação, formação de quadrilha e porte ilegal de armas, totalizando 27 passagens pela polícia. "Ele estava solto. Que justiça é essa? O que ele estava fazendo solto? Agora são duas famílias que estão destruídas pela violência", enfatizou.

Soldado Noelio questionou ainda decisões da Justiça contra policiais por ocorrências durante seu trabalho. Ele citou o caso de PM que entrou na casa de um criminoso em fuga e informou que a Justiça teria interpretado que o policial invadiu a residência do criminoso.

O parlamentar criticou também um caso em que a Justiça teria decidido que fica proibida a revista íntima baseada em denúncia anônima e a decisão do Superior Tribunal de Justiça (STJ) que considera ilegal a polícia revistar alguém sem fundada suspeita. "A abordagem baseada na experiência, na intuição, tornou-se crime baseado numa decisão da Justiça brasileira", pontuou o deputado.

"São essas decisões que estão matando todo dia os cidadão brasileiros. O sangue desses policiais corre nas canetas e nas mãos de muitos juízes e ministros brasileiros, através de decisões absurdas", concluiu.

Em aparte, o deputado Júlio César Filho (PT) lamentou a morte dos policiais e se solidarizou com as família dos policiais mortos durante abordagem. O parlamentar afirmou também que é preciso estar do lado do policial que presta serviço de forma correta e venha prestar serviço defendendo o cidadão. "Lamentamos a perda desses dois policiais", pontuou.
Tony Brito (União) também se solidarizou com as família dos policiais e destacou a dificuldade que a categoria enfrenta ao exercer suas funções.

MINUTO DE SILÊNCIO

Ao final do pronunciamento, o presidente da sessão, deputado Elmano Freitas (PT), pediu um minuto de silêncio em homenagem aos dois policiais rodoviários federais mortos hoje, em Fortaleza.

JM/CG

Informações adicionais

  • Fonte: Agência de Notícias da Assembleia Legislativa
  • E-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.
  • Twitter: @Assembleia_CE
Lido 116 vezes Última modificação em Quarta, 18 Mai 2022 15:56

Protocolo Digital

PROCON ALECE

Portal do Servidor

Eventos


 

  30ª Legislatura - Assembleia Legislativa do Ceará                                                                         Siga-nos:

  Av. Desembargador Moreira, 2807 - Bairro: Dionísio Torres - CEP: 60.170-900 

  Fone: (85) 3277.2500