Fortaleza, Segunda-feira, 10 Dezembro 2018

Pesquisar

Processo Virtual

Processo Virtual - VDOC

Legislação

Projetos / Cursos

Publicações

Eventos e Destaques

Disque Assembleia

Login

         Comunicação AL TV Assembleia FM Assembleia Banco de Imagens Previsão do Tempo Contatos
Segunda, 25 Junho 2018 11:32

Internautas preferem utilizar 13° salário para quitar dívidas

Avalie este item
(0 votos)
A enquete do Portal da Assembleia Legislativa, veiculada de 18 a 25 de junho, questionou como os internautas pretendem gastar a primeira parcela do 13º salário, que deve ser depositada até o início de julho para servidores públicos da ativa, aposentados e pensionistas. Para 60% dos participantes, o dinheiro deve ser usado para quitar contas atrasadas. Já 40% vão reservar a quantidade para viagens e despesas futuras.

O líder do Governo, deputado Evandro Leitão (PDT), salienta que o Estado honra rigorosamente a folha de pagamento do funcionalismo público e isso proporciona ao servidor estadual a possibilidade de se planejar e aplicar da melhor forma seu salário, seja quitando dívidas ou usufruindo do benefício com lazer. “A primeira parcela do 13º deve ser paga no próximo dia 6 de julho e vai injetar cerca de R$ 1,4 bilhão na economia do Ceará. Esperamos que esses recursos movimentem o mercado e contribuam para a geração de emprego e renda”, explica.

Já a deputada Fernanda Pessoa (PSDB) enfatiza que, com o aumento do desemprego, a situação econômica do Brasil está mais delicada. "Antigamente, dava para economizar, mas agora as pessoas estão sem trabalho, muitos comércios estão fechando e a maioria dos cidadãos deve utilizar o décimo terceiro para pagar e botar em dia contas básicas", assinala.

O deputado Ferreira Aragão (PDT), por sua vez, ressaltou que a opção da maioria dos brasileiros é quitar as dívidas porque economicamente o País ainda está atravessando uma fase difícil. "É um período que precisamos de mais cautela quando falamos em gastar. Quitar dívidas feitas é melhor para que as pessoas não fiquem amarradas em empréstimos ou semelhantes", frisa.

Para o mestre em economia pela Universidade Federal do Ceará (UFC) e professor da Faculdade 7 de Setembro, Ricardo Coimbra, a opção se dá porque boa parte dos beneficiários ainda não recuperou totalmente o poder de compra. “A inflação é acima do reajuste salarial. A inadimplência cresceu e o número de desempregados também. Com isso, qualquer renda extra que a família brasileira tem serve para colocar as contas em dia ou quitar dívidas”, argumenta.

O economista e analista de Políticas Públicas do Instituto de Pesquisa e Estratégia Econômica do Ceará (Ipece) Nicolino Trompieri Neto aponta que o 13º salário é considerado um recurso a mais. “Quando o orçamento de um indivíduo ou família está equilibrado, isto é, a receita mensal é maior ou igual à despesa mensal, e não há o pagamento de juros de dívidas, o ideal é que ele seja utilizado como uma fonte de poupança para ser gasto em algum objetivo”, expõe.

Segundo Nicolino, quando a despesa está maior do que a receita, incluindo na conta o pagamento de juros de uma dívida, o ideal passa a ser o uso do recurso para quitar essa dívida, pois o risco de uma dívida pequena se tornar grande e comprometer o orçamento mensal é muito alto. “Principalmente com o pagamento de juros de cartão de crédito ou de cheque especial, pois esses juros são bem maiores do que a taxa de juros básica da economia (Selic) e o cálculo desses tipos de dívidas são baseadas em juros compostos, o que faz com que o montante da dívida se transforme, num período curto de tempo, numa bola de neve, se tornando, em algumas vezes, impagável”, enfatizou.

GM/PN

Informações adicionais

  • Fonte: Agência de Notícias da Assembleia Legislativa
  • E-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.
  • Twitter: @Assembleia_CE
Lido 783 vezes Última modificação em Sexta, 29 Junho 2018 12:55

Portal do Servidor

Enquete

Como você pretende utilizar o 13º salário?

Internautas preferem utilizar 13° salário para quitar dívidas - QR Code Friendly


 

  29ª Legislatura - Assembleia Legislativa do Ceará                                                                         Siga-nos:

  Av. Desembargador Moreira, 2807 - Bairro: Dionísio Torres - CEP: 60.170-900 

  Fone: (85) 3277.2500