Fortaleza, Sábado, 25 Maio 2019

Pesquisar

Processo Virtual

Processo Virtual - VDOC

Legislação

Projetos / Cursos

Publicações

Eventos e Destaques

Disque Assembleia

Login

         Comunicação AL TV Assembleia FM Assembleia Banco de Imagens Previsão do Tempo Contatos
Sexta, 22 Março 2019 05:42

Deputados cobram negociação entre professores e Prefeitura de Caucaia

Avalie este item
(0 votos)
O impasse entre professores da rede municipal de ensino de Caucaia e a Prefeitura sobre o reajuste de salários foi tema de diversos pronunciamentos, ontem, no plenário da Assembleia Legislativa. O deputado Acrísio Sena (PT) defendeu uma saída negociada.   Segundo o parlamentar, a disposição da bancada do PT na Casa é ajudar na negociação com o prefeito Naumi Amorim para um diálogo efetivo e que busque uma solução o mais rápido possível. “Na luta do mar contra o rochedo, quem perde mais são os alunos. Então precisamos sair desse impasse, pois as posturas extremas não interessam nem a um lado nem a outro”, salientou Acrísio.   O deputado Moisés Braz (PT) foi outro que cobrou o diálogo entre o prefeito de Caucaia, Naumi Amorim, e os servidores da educação do município, que se encontram em estado de greve.   De acordo com ele, é do interesse de todos, e principalmente da administração do município, sair dessa situação. O parlamentar informou que os professores não querem prejudicar os estudantes, mas precisam de condições para trabalhar. “Entre as pautas, melhorias na infraestrutura das escolas e reajustes salariais. Sabemos que a educação é a única arma eficaz no combate às drogas, à criminalidade, então é preciso investir nisso”, disse.   Já o deputado Soldado Noelio (Pros) disse apoiar a greve dos professores da rede municipal de ensino de Caucaia. Na pauta, crítica à precariedade nas condições de trabalho, funcionamento das escolas e ausência de profissionais, como porteiros, merendeiras e auxiliares de serviços gerais também fazem parte da demanda dos profissionais.Pedem ainda as progressões atrasadas e reajuste de 4,17%.   Para o parlamentar, os professores só querem dignidade para dar aula e o reajuste salarial que lhes é de direito. “Não culpo somente o atual prefeito, mas acho que o mesmo tem o dever de receber os professores e dialogar sobre o problema. Os professores têm o meu apoio”, opinou.   Defesa Em contraponto, a deputada Érika Amorim (PSD), que é esposa do prefeito Naumi Amorim, informou que a prefeitura de Caucaia se reuniu com representantes dos sindicatos dos professores para resolver as demandas dos educadores. Os professores, que decidiram manter a greve que ocorre desde a semana passada, estão reivindicando reajuste salarial.   As rodadas de negociação já ocorreram por três vezes e, segundo ela, foram marcadas pelo diálogo honesto e transparente por parte da gestão. “O prefeito Naumi Amorim colocou a Secretaria à disposição e apresentou estudo de viabilização (para conceder novo reajuste). Houve uma reunião e um agendamento para uma próxima negociação, porém, antes do dia, iniciou a greve”, esclareceu.   A parlamentar disse que, desde o primeiro ano da administração, a Prefeitura já concedeu reajuste a todos os colaboradores do município, e os profissionais do magistério tiveram aumento diferenciado. Em 2018, o acréscimo implementado ao salário base foi de 7%. “Essas medidas de valorização fazem com que a categoria receba acima do piso nacional do magistério e tenha o maior salário médio do Estado, superando, inclusive, Fortaleza”, informou. De acordo com a deputada, em fevereiro, a Prefeitura concedeu reajuste de 55,5% no auxílio alimentação e de 8% no transporte dos profissionais do magistério do município.
Lido 85 vezes

Ideia Certa

Portal do Servidor

Enquete

Dados do Ministério da Saúde apontam que em 2016 houve 34.850 mortes no trânsito no Brasil. Desse total, 1/3 das vítimas eram motociclistas. Qual a melhor forma de enfrentar esse problema?

Deputados cobram negociação entre professores e Prefeitura de Caucaia - QR Code Friendly


 

  30ª Legislatura - Assembleia Legislativa do Ceará                                                                         Siga-nos:

  Av. Desembargador Moreira, 2807 - Bairro: Dionísio Torres - CEP: 60.170-900 

  Fone: (85) 3277.2500