Fortaleza, Sábado, 17 Agosto 2019

Pesquisar

Processo Virtual

Processo Virtual - VDOC

Legislação

Projetos / Cursos

Publicações

Eventos e Destaques

Disque Assembleia

Login

         Comunicação AL TV Assembleia FM Assembleia Banco de Imagens Previsão do Tempo Contatos
Segunda, 12 Agosto 2019 10:26

Maioria dos internautas pretende quitar dívidas com dinheiro do FGTS

Avalie este item
(0 votos)
A enquete do Portal da Assembleia Legislativa, veiculada entre os dias 5 e 12 de agosto, questionou como os internautas pretendem gastar o dinheiro do FGTS (Fundo de Garantia por Tempo de Serviço), que será liberado pelo Governo Federal.

A maioria dos participantes, ou 88,9%, adianta que vai pagar dívidas com a verba liberada. Já outros 11,1% pretendem fazer compras ou utilizar o dinheiro para outros fins.

O deputado Evandro Leitão (PDT) observa que o resultado da enquete mostra a retração econômica no Brasil. “Estamos vendo, atualmente, mais de 13 milhões de desempregados, precisando recorrer a empréstimos bancários, com danos e prejuízos futuros”, diz.

O parlamentar lamenta a estagnação da economia brasileira e acrescenta que a população está cada vez com menor poder de compra. “Em alguns estados, o Produto Interno Bruto (PIB) está decrescendo. Esse quadro mostra a necessidade de ações que possam alavancar a economia do nosso País”, afirma.

Para deputado Fernando Santana (PT) o endividamento das pessoas é resultado da crise que o Brasil atravessa, principalmente no tocante ao aumento do desemprego. “O dinheiro do FGTS deveria ser utilizado para investimentos, quitação de imóvel, entre outros, porém, as pessoas estão buscando pagar dívidas com essa verba, mostrando que a problemática do desemprego está assolando fortemente o Brasil."

O parlamentar assinala que a verba do FGTS, vai fazer falta no futuro de muitos brasileiros e reforça a necessidade de ações mais assertivas por parte do Governo Federal. “Esperamos que o Governo Federal se encontre, principalmente no tocante a economia e valorização da sociedade, que precisa de geração de emprego e renda”, aponta.

Já o deputado Sérgio Aguiar (PDT) pondera que a economia do Brasil não tem a mesma efervescência desde 2014. “O FGTS não vai melhorar a vida do brasileiro. Será uma solução de urgência para o cidadão que está endividado e muitas vezes se utiliza do 13° salário para estabilizar”, assinala.

De acordo com o parlamentar, medidas de incentivo para incrementar o giro econômico do Brasil são necessárias. “Somos 208 milhões de brasileiros para rodar a economia. Se existe produção, existe gasto e é nesse incremento de emprego e renda que devemos trabalhar”, pontua.

Para o professor  do Departamento de Contabilidade do curso da Economia da Universidade Federal do Ceará (UFC), Ériko Veras, utilizar o FGTS para quitar dívidas é uma saída para quem não quer depender de taxas de empréstimos bancários  ou do cheque especial. Porém, utilizar o dinheiro para economizar e aplicar em investimentos, seria a melhor opção. “Claro que se o cidadão está devendo, pagar é a melhor maneira de aplicar o recurso, mas não podemos deixar de economizar, guardando essa verba em algum fundo, pensando no porvir."

O professor explica que, com a aprovação da reforma da Previdência, as pessoas precisam tentar economizar. “Precisamos pensar no hoje e no amanhã. É difícil guardar dinheiro, principalmente na atual conjuntura econômica, mas quem puder, precisa fazê-lo”, sugere.

Ériko Veras assinala que o desemprego e o subemprego são os principais motivos do endividamento das pessoas. “O desemprego obriga o cidadão a depender de empréstimos. O subemprego coloca a pessoa no mercado sem ganhar o suficiente, também ocasionando dívidas. Enquanto a economia do País não melhorar, o cidadão vai continuar endividado.”

GM/AT

Informações adicionais

  • Fonte: Agência de Notícias da Assembleia Legislativa
  • E-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.
  • Twitter: @Assembleia_CE
Lido 62 vezes Última modificação em Terça, 13 Agosto 2019 19:25

Portal do Servidor

Agosto Lilás

Enquete

A Lei Maria da Penha completou 13 anos neste mês. Você acha que ela tem sido eficiente no combate à violência contra a mulher?

Maioria dos internautas pretende quitar dívidas com dinheiro do FGTS - QR Code Friendly


 

  30ª Legislatura - Assembleia Legislativa do Ceará                                                                         Siga-nos:

  Av. Desembargador Moreira, 2807 - Bairro: Dionísio Torres - CEP: 60.170-900 

  Fone: (85) 3277.2500